Sobre o Conselho

CRIAÇÃO DO CONTER E DOS CONSELHOS REGIONAIS

CONSELHO NACIONAL DE TÉCNICOS EM RADIOLOGIA – CONTER iniciou suas atividades em 1987, quando foram eleitos os primeiros membros diretores, TR Jenner Jalne de Morais, Presidente, Evaristo da Costa Maia – Secretário e Wanderlei Monteiro – Tesoureiro, cuja posse foi no dia 06/06/87, no Auditório Petrônio Portela, na Câmara dos Deputados, em Brasília. Os Regionais foram criados através de Resoluções do CONTER, em cumprimento ao artigo 16, inciso III, do Decreto nº 92.790/86 e em obediência aos preceitos da Lei Federal nº 7.394, de 29 de outubro de 1985.

Visite o site www.conter.gov.br e saiba mais sobre o CONTER.

CONSELHO REGIONAL DE TÉCNICOS EM RADIOLOGIA – 5ª REGIÃO, com sede na Rua Herculano, nº 169 – Bairro Sumaré – São Paulo/SP, foi criado pela Resolução CONTER nº 11,  de 27/05/1988.

Compete ao CRTR-5ª Região defender a sociedade, por meio da efetiva fiscalização e autuação do exercício ilegal das técnicas radiológicas, bem como zelar pelo fiel cumprimento do Código de Ética Profissional e pela valorização das profissões (no início, de Técnico e Auxiliar de Radiologia e mais tarde vieram os tecnólogos).  Juntamente com o Conselho Nacional dos Técnicos em Radiologia – CONTER e demais Regionais, constitui uma Autarquia Federal, criada pelo artigo 12, da Lei nº 7.394, de 29 de outubro de 1985 e regulamentada pelo Decreto nº 92.790, de 17 de julho de 1986.

Cabe ao CRTR-SP 5ª Região, disciplinar e fiscalizar o exercício profissional das técnicas radiológicas, sendo de sua competência, defender a sociedade, por meio de fiscalizações, fazendo cumprir fielmente o disposto no Código de Ética Profissional, aplicando as penalidades cabíveis. Para tal, conta com o apoio da Comissão de Sindicância e da Comissão de Ética Profissional. É garantido por lei ao CRTR-SP 5ª Região, o direito e a obrigação de promover fiscalizações, independente de autorização ou prévio agendamento junto à Instituição, seja privada ou pública.

O CRTR-SP 5ª Região, não é uma Entidade de representação, nem de defesa de direitos e interesses dos profissionais, sejam Tecnólogos, Técnicos ou Auxiliares em Radiologia, sendo as mesmas atribuídas aos Sindicatos e às Associações da classe.